Varizes e gravidez: confira quais os principais pontos de atenção!

A mulher que sofre com varizes e deseja engravidar será melhor tratar as varizes antes da gravidez ou depois?
É necessário relatar o problema para seu médico, que fará as orientações necessárias evitando comprometer o período gestacional.
Neste post vamos explicar quais são os pontos de atenção se já sofrer com varizes antes da gestação e como manejar os sintomas com práticas simples. Veja!

Devemos tratar as varizes antes ou depois da gravidez?

O período gestacional é marcado por modificações hormonais que influenciam em todos os processos do organismo, desde os relacionados à mobilidade da grávida até os efeitos no processamento cerebral.
As mulheres que nascem em famílias com histórico de varizes podem desenvolver varizes em função da predisposição hereditária. Durante a gravidez as alterações hormonais facilitam o inchaço de todos os órgãos do organismo e também das paredes das veias que se dilatam.
Logo, se a futura grávida já sofre com varizes poderá ter sua condição agravada frente as alterações do período gestacional.
A depender da gravidade, as varizes podem sangrar e se tornar um risco durante a gravidez tanto para a mãe como para o bebê.
Os especialistas recomendam não tratar as varizes no período da gravidez. Logo, mulheres que apresentam o problema devem realizar o tratamento antes de engravidar.
O indicado, portanto, é tratar as varizes antes de engravidar, tanto para o próprio conforto da grávida durante o período gestacional quanto para evitar riscos de situações de urgência, como sangramento das varizes no decorrer da gestação.

Como amenizar os sintomas das varizes?

Grávidas que se preocupam com a saúde e a questão estética podem cuidar das varizes com medidas simples. Siga as dicas abaixo!

Coloque as pernas para cima

As gestantes podem permanecer com as pernas elevadas por 30 minutos no meio dia para facilitar o retorno venoso e também elevarem 10 cm o pé da cama para dormirem à noite diminuindo as chances de inchaço nas pernas , melhorando os sintomas das varizes.

Faça drenagem linfática

A drenagem ativa a circulação , também diminuindo o inchaço e cansaço das pernas.
Use meia elástica
As meias elásticas diminuem o inchaço e a sensação de peso nas pernas.
Faça exercícios físicos recomendados pelo médico
Os exercícios ajudam no retorno venoso pois estimulam a musculatura da panturrilha.
Como vimos, quem já sofre com varizes deve tratá-las antes de engravidar porque os sintomas tendem a aumentar significativamente durante a gravidez gerando muito desconforto. Relatar o problema para o seu médico, além de incluir na sua rotina hábitos simples que podem ajudar bastante nos sintomas.
Tirou suas dúvidas sobre o tema? Que tal se aprofundar lendo mais um conteúdo? Descubra, agora mesmo, quais são os principais tipos de varizes e suas diferenças!

Assine nossa newsletter!

Quer ficar por dentro das melhores dicas e conteúdos do blog?

Rolar para cima