Saiba quais são os 5 principais sintomas das varizes

Nosso corpo funciona como uma máquina. É possível fazer uma série de analogias entre suas estruturas e determinadas peças, o que reforça ainda mais esse conceito. As veias, por exemplo, são como pequenos canos que transportam fluido — no caso, o sangue — para manter tudo funcionando. Por isso, saber quais os sintomas das varizes é importante para identificarmos “falhas” nesse processo.
A presença de varizes em grau mais avançado é facilmente perceptível, pois causa alterações macroscópicas (ou seja, que podem ser vistas a olho nu) na aparência da região afetada. No entanto, nem sempre os sinais são tão óbvios. Sendo assim, identificá-los é muito importante para que o tratamento seja instaurado o quanto antes.
Neste post, vamos falar sobre os principais sintomas das varizes, mostrando como essa doença pode se manifestar. Boa leitura!

O que são varizes?

Varizes é o nome dado a uma doença (também conhecida como uma das manifestações da doença venosa crônica) que atinge as veias. Nessa ocorrência, essas estruturas dilatam bastante, fazendo com que as suas válvulas (estruturas responsáveis por auxiliar no fluxo sanguíneo) deixem de funcionar adequadamente.
Dessa forma, o sangue — que deveria fluir tranquilamente por todo o corpo — passa a se acumular em regiões da perna. Isso causa certo inchaço, maior aparência visível das veias e outros sintomas, que veremos a seguir.

Quais os sintomas das varizes?

Agora, falaremos sobre alguns dos sintomas mais comuns das varizes. Dessa forma, você poderá identificar os sinais com mais antecedência e, assim, procurar um profissional especializado para uma consulta.

1. Inchaço

Um dos sintomas mais comumente observados em pessoas com varizes é o inchaço da região afetada. O edema (acúmulo de líquidos) ocorre devido a um defeito no funcionamento das válvulas venosas. Muitas vezes, pés e tornozelos também podem demonstrar um aumento de tamanho.

2. Dores nas pernas

Outro sintoma bastante recorrente é a sensação de dor e queimação nas pernas. Além disso, não é incomum que pacientes relatem uma sensação de “peso” e “cansaço” nos membros inferiores, incluindo, até mesmo, uma certa dificuldade para movimentá-los adequadamente. Uma característica muito importante é ser vespertina. A dor progride no decorrer do dia, intensificando no final da tarde.

3. Pele ressecada

O ressecamento da pele também acontece com bastante frequência. É como se a superfície cutânea fosse “esticada”. Alterações na coloração também são recorrentes. É normal, por exemplo, que a área fique com uma tonalidade levemente azulada, arroxeada ou até mesmo pigmentada, ou seja, mais escura(manchas marrons) que o restante do membro.

4. Coceira

Alguns pacientes também relatam coceira na região afetada. Esse sintoma pode ocorrer até mesmo sem as manifestações visíveis do problema, o que é um indicativo de que algo pode estar errado com a circulação sanguínea.

5. Cãibras

Por fim, outro sintoma que pode ocorrer é a presença de cãibras, especialmente quando o paciente se levanta abruptamente. Elas podem atingir tanto as pernas quanto os pés, ainda que ocorram com uma frequência bem maior nas primeiras.
É importante ressaltar que conhecer quais os sintomas das varizes é muito importante. No entanto, esse autocuidado não substitui a consulta com uma equipe especialista na circulação humana. Por isso, caso note alguma alteração, busque a opinião de profissionais da área e inicie o seu tratamento!
Para saber mais sobre o assunto, confira o nosso informativo sobre a Doença Venosa Crônica responsável pela manifestação das varizes, e faça o teste. Boa leitura!

Assine nossa newsletter!

Quer ficar por dentro das melhores dicas e conteúdos do blog?

Rolar para cima