Varizes em estágio avançado: como tratar o quadro em períodos difíceis?

Quando um problema de saúde está no início, seu tratamento tende a ser muito mais simples. Mas isso não quer dizer que não seja possível lidar com questões como as varizes em estágio avançado. O agravamento do quadro não é, de forma alguma, um sinônimo de que não há mais nada a ser feito.
Inclusive, não se pode deixar o tratamento de lado em casos mais graves, já que o risco de complicações é bem alto. Por isso, é fundamental dar atenção à saúde mesmo em períodos difíceis, como diante das medidas para conter a pandemia de Covid-19 ou até quando a situação financeira é ruim.
Mas, afinal, como lidar com esse tipo de problema em momentos nos quais não é tão fácil se dirigir ao consultório de um médico de varizes? A seguir, falaremos mais sobre esse assunto. Boa leitura!

Quais os sinais das varizes em estágio avançado?

Em estágios iniciais, as varizes trazem sintomas bastante sutis, como o surgimento de veias arroxeadas e, menos frequentemente, um leve inchaço ou alteração da coloração das pernas. Em casos graves, no entanto, os sintomas podem incluir:

  • inchaço severo nas pernas;
  • mudança considerável da coloração do local;
  • presença de veias que parecem estar entrelaçadas;
  • sensação de peso nas pernas;
  • sensação de queimação;
  • presença de coceira;
  • dor, especialmente ao ficar em pé , parado;
  • inflamações das veias (flebites) as veias ficam vermelhas e endurecidas;
  • infecções(erisipelas);
  • feridas nas pernas(úlcera varicosa);
  • Trombose venosa profunda;
  • sangramentos espontâneos

Caso você perceba qualquer um desses sintomas, há uma grande chance de que o seu quadro de varizes esteja evoluindo. Portanto, nesse momento, é hora de procurar a ajuda de um médico especialista.

Por que é arriscado adiar a busca por tratamentos?

Em estágios mais leves das varizes, é possível buscar a orientação médica por telefone ou outros métodos. Esse contato garante medidas de tratamento que terão como objetivos evitar o agravamento do problema e permitir que a pessoa espere um tempo até a consulta presencial com o especialista.
Já em casos mais graves, é essencial ir atrás de auxílio presencial o quanto antes. O médico avaliará a necessidade de procedimentos e intervenções mais complexas, que evitarão problemas potencialmente graves — como a trombose venosa profunda, que pode até mesmo levar à morte, assim como sangramentos espontâneos ou provocados por pequenos traumas como coçar o local, principalmente em pessoas em idosas.

Como buscar tratamento em períodos difíceis?

Ninguém está livre de passar por momentos complicados. Eles podem ser individuais — questões familiares, financeiras, pessoais etc. — ou coletivos — como o caso da pandemia, que citamos no início da nossa conversa. Porém, nada disso é desculpa para ignorarmos os cuidados com a nossa saúde.
Em casos de varizes em estágio avançado, a recomendação é sempre priorizar clínicas sérias e especializadas nesse assunto. Elas estarão preocupadas e antenadas com todas as diretrizes nacionais e internacionais, incluindo a limpeza e higienização dos ambientes e demais medidas de segurança necessárias em cada período.
Agora que você já sabe por que é importante não adiar a busca por tratamentos para as varizes em estágio avançado, não perca tempo: agende o quanto antes uma consulta com um especialista para lidar com essa questão e, assim, cuidar da sua saúde e evitar complicações potencialmente graves.
Para que outras pessoas conheçam a importância da atenção médica imediata em casos de varizes em estágio avançado, compartilhe este artigo em suas redes sociais!

Assine nossa newsletter!

Quer ficar por dentro das melhores dicas e conteúdos do blog?

Rolar para cima