Será que as varizes voltam depois do tratamento?

Quem sofre com vasinhos ou outros problemas semelhantes sempre se pergunta: será que as varizes voltam depois do tratamento? Esse tipo de questionamento é muito comum e faz todo o sentido. Afinal, parece inútil tratar algo que pode reaparecer depois de um certo tempo, não é?

Sem dúvidas, conhecer bem o problema, seus sintomas (como dor, inchaço, cansaço nas pernas e maior visibilidade das veias da região) e o mecanismo por trás da ocorrência é algo essencial para os pacientes que sofrem com as varizes. Por isso, a informação é sempre o melhor caminho para garantir conhecimento sobre as atitudes pessoais necessárias para o cuidado das varizes além de saber quais são os tratamentos mais eficazes para o seu caso junto ao Médico de Varizes.

Neste artigo, responderemos a pergunta do título e passaremos várias outras informações importantes sobre o tratamento de varizes, as suas causas e muito mais. Continue conosco e entenda.

As varizes voltam depois do tratamento?

As varizes são um sinal da Doença Venosa Crônica (DVC). A DVC é uma doença crônica, sem cura, até o momento atual da medicina. O que isto quer dizer? Os tratamentos existentes eliminam, retiram do organismo as veias que já estão afetadas, doentes pela doença, mas não impedem que a doença continue agindo sobre as veias ainda saudáveis e torná-las doentes no futuro. Aliás, não há método conhecido no mundo que impeça a ação da DVC sobre as suas veias. Em 25% das pessoas tratadas as varizes retornarão dentro de 5 anos .

Existe uma cura definitiva para esse problema?

Como vimos acima, infelizmente, ainda não há uma cura definitiva para as varizes. Esse é um problema que a Medicina, até o momento, não conseguiu impedir que ocorra.

Quais são as causas das recidivas?

As causas do surgimento das varizes ainda não são bem conhecidas, mas alguns fatores definitivamente aumentam as chances de desenvolver esse problema. Eles são:

  • ser do sexo feminino;
  • ter mais de 30 anos;
  • passar muito tempo sentado;
  • não praticar atividades físicas;
  • estar acima do peso;
  • alimentar-se inadequadamente.

O que está ao seu alcance para prevenir o aparecimento das varizes?

A prevenção completa das varizes não é possível, porém, suas atitudes com você mesmo podem ajudar muito a reduzir as chances de elas aparecerem e é algo bem simples. Cuidados como praticar atividades físicas regularmente, utilizar meias de compressão e ter uma alimentação saudável para manter seu peso dentro dos padrões para a sua idade podem ajudar bastante. Outra medida importante é ter acompanhamento de um médico especialista e realizar check-ups periódicos.

Quais são as consequências de não tratar as varizes?

Já que as varizes podem voltar a aparecer, por que tratá-las? Essa também é uma pergunta muito pertinente. No entanto, devemos salientar que varizes em grau menor evoluirão para graus mais avançados quanto mais o tempo passar e, até mesmo, aumentar as chances de o paciente desenvolver uma trombose venosa. Por isso, o tratamento atua como prevenção de problemas mais graves e na sua vida tanto social como de trabalho. Exames médicos admissionais em processos seletivos barram quem tem varizes!

Quais são os tratamentos mais eficazes?

Há diversos tipos de tratamento para as varizes. Um dos mais interessantes é a escleroterapia com espuma. Esse é um procedimento não invasivo que permite a sua permanência em atividades diárias de trabalho e lazer imediatamente após o tratamento. É feito no consultório especializado do cirurgião vascular. Não há necessidade de anestesia, logo, você e seu familiar acompanham todo o processo de tratamento. Você conseguirá ver sua veia doente sendo destruída pela espuma na tela do ecodoppler do seu médico.

Agora que você já sabe que, em alguns casos, as varizes voltam depois do tratamento e conhece as maneiras de preveni-las, não perca mais tempo. Agende quanto antes uma consulta com um médico especialista e veja qual é o tratamento mais indicado para o seu caso.

Ficou com alguma dúvida? É muito provável que você ainda esteja se perguntando sobre as cirurgias para resolver esse problema, certo? Então, confira o nosso post e descubra que não é mais necessário operar varizes .

Assine nossa newsletter!

Quer ficar por dentro das melhores dicas e conteúdos do blog?

Rolar para cima